segunda-feira, 21 de abril de 2014

Pentagrama, Claves, Linhas Sup., Endecagrama


Para começar gostaria de certificar de que todos saibam e entendam alguns conceitos bem básicos que envolvem a musica, não acho que seja necessário que decorrem, mas que realmente intendam. Imagina se algum simplesmente te pergunte o que é musica? Ou ainda o que vem a envolver a musica? Seria chato se você um musicista não souber, então fique atento a:


MÚSICA é a arte de combinar os sons simultânea e sucessivamente, com ordem, equilíbrio e proporção, dentro do tempo. É a arte de manifestar os diversos afetos de nossa alma mediante o som.

..som em combinações puras, melódicas ou harmônicas produzido por voz ou instrumento
..sublime expressão do amor universal
..o pressentimento de coisas celestiais (Beethoven)
..a mais alta filosofia numa linguagem que a razão não compreende (Shakespeare)
..algo muito difícil de mostrar ao mundo o que sentimos em nós mesmos (Tchaikovsky)
..uma coisa que se tem pra vida toda, mas não toda uma vida pra conhecê-la (Rachmaninov)


As principais partes que constituem a MÚSICA são:

MELODIA – É a combinação dos SONS SUCESSIVOS (dados uns após outros). É a concepção horizontal da Música.

HARMONIA – É a combinação dos SONS SIMULTÂNEOS (dados de uma só vez). É a concepção vertical da Música.

CONTRAPONTO – É o conjunto de melodias dispostas em ordem simultânea. É a concepção ao mesmo tempo horizontal e vertical da Música.

RÍTMO – É a combinação dos valores tempo.


PENTAGRAMA ou PAUTA

Em regra geral escreve-se a música sobre 5 linhas e 4 espaços horizontais paralelas e equidistantes, é a base sobre a qual as notas são grafadas. A estas linhas e espaços dá-se o nome de PAUTA ou PENTAGRAMA. As linhas e espaços são contados de baixo para cima.


CLAVE

As claves atribuem notas específicas a linhas e espaços determinados. Ou é o sinal colocado no inicio da pauta, sobre determinada linha, para dar nome às notas, através dele é possível identificar as notas. As Claves são 3 (três):

CLAVE DE SOL Escrita na 2ª linha. Há algum tempo atrás, também era usada na 1ª linha.
CLAVE DE FÁ É escrita na 3ª ou na 4ª linha.
CLAVE DE DÓ É escrita na 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª linha.


Duas claves são usadas normalmente: A Clave de Sol e a Clave de Fá. A mais comum entre muitos instrumentos é a clave de sol, a mais conhecida, a que trabalharemos primeiro. 


CLAVE DE SOL


Primeiramente vamos começar falando da Clave de Sol. A linha da pauta em torno da qual começa o desenho do símbolo da clave (mostrada abaixo em vermelho) representa a nota Sol.  Qualquer nota colocada nesta linha torna-se um Sol.




Sabendo que a ordem da escala na clave de sol é DO - RE - MI - FA -  SOL -  LA-  SI -  DO. Podemos assim então dizer que a nota no espaço acima do Sol é o Lá, e a nota sobre a linha acima do Lá é o Si. E assim sucessivamente tanto para baixo quanto pra cima.


Como podemos ver o espaço para colocar as linhas acabaram, e agora?

LINHAS SUPLEMENTARES

As Linhas Suplementares vão resolver nosso problema.
Uma linha suplementar é uma pequena linha que amplia a pauta quando o espaço para notas acaba. Com a linha suplementar desenhada, podemos colocar um novo Lá.



CLAVE DE FÁ

Nosso próximo item é a Clave de Fá.

A linha da pauta entre os dois pontos da clave é a linha do Fá.

Esta clave é utilizada na escrita da mão esquerda dos instrumentos de teclado, instrumentos de registro grave, como o violoncelo, o contrabaixo, o fagote, o trombone e o eufônio em Dó bem como as vozes mais graves. Esta clave era utilizada também para o barítono, mas seu uso na música atual é raro.

Podemos agora preencher o resto da pauta com notas.


SISTEMA 11 LINHAS 

Agora, vamos falar do sistema de 11 linhas, uma pauta teórica também chamada de endecagrama. 


Observe o que acontece quando eliminamos a linha do meio - ficamos com duas pautas normais.


Ao adicionar uma Clave de Sol à pauta superior e uma Clave de Fá à pauta inferior, podemos ver a relação entre as duas pautas.

Observe como as duas claves são "unidas" pelo Dó (mostrado em vermelho).

Esse Dó é chamado de "Dó central", já que ele corresponde à linha do meio entre as pautas da Clave de Sol e da Clave de Fá.


Com a ajuda do sistema endecagrama fica mais fácil compreender a leitura de ambas as claves, até mesmo facilitar a leitura de notas mais graves, além do dó central separando ambas as claves, que também é de grande ajuda para quem está começando a ler partituras. Comumente é muito utilizada pelos pianistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficou alguma duvida, pergunte aqui, tentarei ao máximo te ajudar; Comente e compartilhe conhecimentos com conosco.

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...